segunda-feira, 20 de setembro de 2010

Round 7!! A prefeitura

No mesmo dia sai de la com uma cópia original do contrato, com uma via original do ITBI correto e com as minhas vias de ITBI errado.

Fui na Prefeitura, verificar o que poderia ser feito e o que foi me dito é que nada poderia ser feito.
Tentei por várias vezes falar com a Tamara, mas ela nunca estava, o Antonio também não, ninguém me atendia.

Aproximadamente em 23/04 /2010 depois de quase 2 meses de assinatura com a caixa é que saiu a correção do contrato.
Fizeram um EM TEMPO para correção da numeração para que eu pudesse dar entrada no pedido de devolução dos valores.

A princípio ninguém sabia o que deveria de ser feito, acusavam pagamento em duplicidade, mas não era duplicidade, era pagamento errado de uma inscrição de imóvel que não existe, não havia nada de duplicidade.
Fui obrigada a gastar mais de 30,00 na prefeitura pra abrir um processo solicitando o valor errado, o processo foi aberto com número 3862/10, com todas as cópias necessárias, gastei uma fortuna de xerox e taxas.
Falei então com a Sra Lucia do Setor de Tributos, a mesma informou que nada poderia ser feito que o dinheiro não iria ser ressarcido, entrei em pânico, desespero, a mesma alegou que o valor seria devolvido como IPTU futuro, onde já se viu isso? Não poder devolver o que é meu por direito? Não aceito IPTU eu disse chorando, contei a mesma que tive que tirar um emprestimo no banco sem poder, que estava agora com mais de 30 anos de IPTU pagos adiantado e com 2 dívidas ativas a qual eu só conseguiria honrar com uma que era a do banco pois era descontado direto na minha folha de pagamento.
Nada ... não adiantou nada, ela disse que iria ver o que poderia ser feito, perguntei se poderia falar com alguém, mas ela foi categórica alegando que somente com ela mesmo, que não havia mais ninguém e que a certeza era uma só que iria demorar no minimo 15 anos pra que eu recebesse o valor devolta pois iria cair em precatório.
Eu entrei em pânico, chorava sem escrupulos, eu estava perdida e arrasada.
Ela ainda tentou falar com o Sr. Toni lá da Trisul e ele disse que nada poderia ser feito.
Ofereci o ITBI que paguei erroneamente para eles e eles apenas me devolveriam o valor pago a mais e assim quitariamos o negócio.
Mais Tarde até de caloteira fui chamada por esse tal de TONI, ele alegou que quem devia era eu e não ele, que não foi ele que escolheu ir por outro caminho e tentar negociar descontos onde não existiam.
Mas e a Lei?? eu tinha que tentar.
Fui obrigada a engolir tudo calada ... eu já estava doente, tendinite, burcite, cifose, escoliose, lordose e o psicologico e moral lá em baixo.
Não paguei nada a eles até agora.
Passei 1 mes ligando todo santo dia, falando com a Lucia, Cristiane, e até fui mau tratada por um tal de Márcio da Prefeitura ao qual nem quis entender meu caso.
Me passavam de ramal em ramal e nada de soluções.
Um certo dia de Maio recebi uma ligação da Lucia alegando que realmente meu pedido não fora aceito, que eles reconheciam o fato do dinheiro ter sido aplicado errado mas que em breve eu receberia o comunicado informando o desconto em IPTU.

Segue a carta: clique na imagem para ampliar.



Recebi a Tal carta como voces podem ler acima, ainda com um erro de concordância grotesco, o valor de 3.920,72 seria usado para saldar o IPTU do ano de 2011, e o restante do valor? O saldo que restaria?
POUTZZZZ que cartinha mau redigida hein ... fala sério.

Mas não me dei por vencida ...
Estudei muito esse caso, corri atras de advogados, e levei um Não de apenas 8 advogados.
Uns alegando que era muito longe, por eu ser de São Paulo e a Prefeitura de Jandira, outros por dizer que o caso já estava solucionado pela própria prefeitura e que eu havia de aceitar e deixar por isso mesmo, e outros diziam que não pegariam por levar anos e ser muito demorado.

Continuei pesquisando, e comecei a denunciar esse abuso, pois a prefeitura não pode simplesmente fazer o que bem quer, eu não sou tipo de pessoa que sabe de seus direitos e deixa o caso a Deus dará. Não isso não, a prefeitura iria me pagar e muito caro, iria por um meio ou outro me devolver o que é meu tão somente meu.

Comecei timidamente com os advogados, fui perguntando aqui, ali, levantando suposições, e vi que esses meios legais não dariam resultados.
Fui pega pela minha saúde, onde tive que dar uma parada para me tratar, mais um Round a ser vencido contra as Doenças.

Imaginem só.

Eu Wanessa, que filhas de pais separados, era espancada pela mãe por ser parecida com o pai, uma criança obesa, uma adolescente obesa, descobri ter Câncer aos 16 anos, fiz tratamento até os 19, fiz a primeira cirurgia aos 19 anos e 10 dias depois da primeira cirurgia ser chamada as pressas para fazer a cirurgia novamente pois tinha apenas 6 meses de vida, VENCI o maldito CÂNCER, perda de 03 entes queridos um atras do outro, Jorge aos 21 anos morreu asfixiado, Marcelo aos 17 anos Falência multipla dos órgãos devido ao câncer que tinha descoberto ter 3 meses antes da minha primeira cirurgia ele com 16 anos, 1 ano de vida contadinho primo de primeiro grau, Kiko aos 22 anos, falesceu 1 mes depois do marcelo, entrou em coma no dia dos pais e nunca mais acordou, aneurisma cerebral levou uma pancada na cabeça de um trombadinha durante um assalto, primo também, fazia aniversário 1 semana depois de mim, todos os anos comemoravamos juntos o nosso aniversário, com 24 anos pesava mais que 130 kg agora uma adulta mega obesa, deprimida que se entregou a doença pela saudade dos 3 primos, pelo descaso de Deus tê-los levados e a mim não, entalada em uma catraca de ônibus lotado, fez todos os regimes imagináveis des dos 8 anos de idade sem resultado, tendencia genética à obesidade, psicológico abalado, aos 25 passei por uma internação para redução do estômago, passei a véspera de natal internada pois minha cirurgia estava marcada para 26/12/2006, mas peguei uma pneumonia braba no hospital, cirurgia temporáriamente suspensa, chorei muito pois como era no SUS hospital das CLINICAS, achei que iria demorar anos pra me chamarem devolta, mas Deus foi bom, em 10/01/2007 com 25 anos fiz renasci.
Emagreci 73 kilos.
Venci a depressão.
Venci o Câncer.
Hoje com 29 anos não vai ser uma TRISUL da vida que vai me derrubar ...

Aprendi que desistir JAMAIS .... JAMAIS EU PODERIA DESISTIR ... NASCI PRA GRITAR, LUTAR E VENCER ...

Nenhum comentário: