quarta-feira, 23 de fevereiro de 2011

Matéria sobre a TRI$UL no jornal regional A COMARCA









domingo, 20 de fevereiro de 2011

Taxa de interveniencia, atraso, cobranças ilegais.

Matéria expetacular que o Marcelo do Belas Artes I, encaminhou para meu e-mail nesta manhã.
Obrigada Marcelo pela sua ajuda e força!!!

Jornal da Cultura exibido em 12/02/2011.

APRECIEM SEM MODERAÇÃO!!!


terça-feira, 15 de fevereiro de 2011

Atraso na entrega de imóvel gera lucro cessante

Argumento vale, por exemplo, ao mutuário que alugou imóvel para morar, por conta do atraso na entrega.

Prejuízo financeiro deve ser ressarcido, diz Amspa.



11/2/2011

São Paulo - O lucro cessante, prejuízo que causa perdas financeiras a quem contrata um serviço ou compra um produto, é o argumento que move a maioria das ações na Justiça, quando se trata de atraso na entrega de imóvel. A informação é do presidente da Associação de Mutuários de São Paulo e Adjacências (Amspa), Marco Aurélio Luz. Ele afirma que os atrasos, na sua maioria, ocorrem por neglicência das construtoras.

“Muitas delas deixam para última hora o pedido de vistorias na Prefeitura, o que acaba prejudicando o tempo para liberação do auto de conclusão da obra, o famoso Habite-se. Se todas as inspeções forem feitas com antecedência, a municipalidade certifica e a entrega das chaves ocorre dentro do prazo contratual, senão a entrega ocorre com um Habite-se provisório”, comenta o dirigente.

Para o presidente da Amspa, são raros os casos de força maior que podem ocorrer na construção civil. “O que mais acontece para o atraso na entrega dos imóveis é mesmo a tentativa de economias, visando maiores lucros, como a contratação de pouco pessoal, mínimo necessário para o empreendimento. Também importam a negligência na aquisição do material e a imperícia de prestadores de serviços contratados sem qualquer avaliação profissional”, diz Luz.

Características de lucro cessante – O presidente da Amspa recomenda ao mutuário guardar todos os comprovantes que evidenciem o dano causado pela não entrega do imóvel na data contratual, e lista o procedimento.

“Casos como: deixar de ter rendimento com recebimento do aluguel; perder oportunidade de vender a propriedade com bom retorno financeiro; ou ser obrigado a alugar outro imóvel, quando a compra destina-se à moradia estão entre as situações prejudiciais ao adquirente da propriedade. (Estas ocorrências) podem ser consideradas como lucros cessantes, pois a vítima deixou de ganhar ou perdeu um lucro esperado”, afirma.

De acordo com Luz, além do direito do recebimento do lucro cessante, nestas circunstâncias cabe também a multa contratual, que deve ser o mesmo percentual fixado no contrato em virtude de inadimplência do comprador; e danos morais e materiais. “Em situações como essas, aconselhamos ao dono do imóvel buscar orientações com um especialista, que saberá resolver a questão”, recomenda o presidente da Amspa.

“Problemas como infiltrações no imóvel, vícios de construção, danos à propriedade, entre outros acontecimentos que envolvem prejuízos causados por outrem também devem ser ressarcidos, tanto pela perda material, como pela privação de um lucro ou interesse previsto. O mutuário que se sentir lesado deve pedir, sim, indenização de perdas e danos, inclusive do lucro que deixou de ganhar”, ressalta o presidente da Amspa.

Mais informações podem ser obtidas junto a Amspa, pelo telefone (11) 3292-9230. Site da associação: www.amspa.com.br

sábado, 5 de fevereiro de 2011

E o interfone NADA ... TUDO!! COMO É QUE É???

O interfone faz anos, o azar é dos moradores, cada dia que passa pessoas podem ficar presas ...

pois é minha gente. Nada de ligarem os interfones dos elevadores, nada de ligarem nossa central de telefonia, nada de interfones entre morador e portaria, tá uma tremenda palhaçada.

O prazo de 05 dias já findou-se a muito tempo ... e continuamos ... A LENDA DOS INTERFONES sem funcionamento!!!

Até quando minha gente ???

PARABÉNS PRA VOCÊ, NESTA DATA RIDICULA ...

Ranoya e Nogueira, Trisul, Residenz, Atlas Schindler, e seus terceiros ... tudo uma cambada de sem palavras, não cumprem os prazos, se não sabem o que fazer arranca tudo e entrega pra quem sabe ué!!

QUERO OS INTERFONES LIGADOSSSSSSSSS


Trisul Destruindo sonhos agora no orkut!!

http://www.orkut.com.br/Main#Community?cmm=111054960

Faça parte dessa comunidade, vamos colocar o nome da TRISUL no topo, divulgar o blog, e principalmente o site reclame aqui.

É fundamental que todos reclamem e mandem cópias das reclamações para postagem aqui.

Temos que contar tudo o que está acontecendo.

Abrir os olhos do próximo para não sofrer o que sofremos e estamos sofrendo.

Divulguem e mandem seus relatos.

Vamos desmascarar essa empresa!!!

quinta-feira, 3 de fevereiro de 2011

TRISUL tenta implantar condomínio sem término de obras e sem prazo para vistorias

Até quando essas palhaçadas vão continuar?

Belas Artes II entregue e constituído condomínio com geradores, Start Life e seus elefantes Brancos, Alegre Gran e as obras inacabadas, Vida Plena Santo André e os seus 1001 mistérios, Vida Plena Itaquera e seus vendedores mentirosos, Clina Amaralina e Vista Amaralina e suas cobranças indevidas, adiantamento da obra que não existe ... dentre tantas outras mentiras e LENDAS.

AINDA PROPONHO PASSEATA EM FRENTE A TRISUL, JÁ TEMOS UMAS 10 PESSOAS QUE TOPAM ... QUANTO MAIS GENTE MELHOR!!


Segue reclamação do Lucas Pires no Reclame aqui.

No dia 31/01/2011, a TRISUL tentou implantar o condomínio no empreendimento Alegre Gran em SCS. Esse empreendimento não possuí cronograma para fim das obras, só foram feitas vistorias em 60%, não foi feita averbação, desmembramento da matrícula, não tem CND (pelo menos até a data), foram feitas cobranças de juros indevidas sobre as parcelas, acabamento está péssimo, posição das colunas o estacionamento não batem com o projeto, material usado não bate com apresentados durante a venda, falta mão-de-obra pra finalizar a obra (e os que estão lá não fazem nada: jogam dominó, lêem jornal, ficam deitados nas sacadas.. é só passar na frente e ver!) e não há atendimento por parte do SAC, já que não podem dar informação nenhuma (não podem? no mínimo é estranho)!

Após o fracasso da tentativa, em contato com SAC pude sentir todo o desprezo por parte deles. Após me apresentar como cliente, ouvi: "ah... vc faz parte do problema Alegre Gran". Questionando esse comentário irônico fui informado que estavam em reunião desde as 8:00hs da manhã com a diretoria e estavam discutindo quais ações tomariam para fazer-se aprovar a implantação do condomínio. Ao invés de trabalharem e cobrarem da engenharia, tentam arrumar um artifício apenas pra se livrarem do atraso superior a 180 dias, o que caberá multa de 1% ao mês de atraso sob o valor total do contrato de compra e venda. Ou seja, não há interesse em terminar, fazer a coisa certa... é impressionante. Sem falar na posição do representante da TRISUL durante a assembléia: ficou toda hora falando que as pessoas que vistoriaram seus apartamentos não pegariam as chaves caso não fosse implantado condomínio, como se a entrega das chaves dependesse só disso! Ou seja, mentiu pra criar divergência entre os moradores.

O pior de tudo foi ouvir que, como os moradores não aceitaram a implantação do condomínio, não tinham como realizar o desmembramento, nem averbação e nem emitir a CND. O que uma coisa tem haver com outra? Além disso, questionando data de vistoria, prazo de entrega, data prevista para emissão dos documentos, a única resposta pra todos os questionamentos foi: "Não podemos informar. Não temos permissão pra informar."

Prefiro acreditar que é despreparo dos funcionários do SAC do que abuso...

Sou mais um: TRISUL.................... NUNCA MAIS!

quarta-feira, 2 de fevereiro de 2011

O Relato da Fernanda - Alegre Gran Condominium

Oi Wanessa, segue meu desabafo que postei agora no Reclame aqui. Sou proprietário do Alegre Gran Condominium. Pode postar o texto abaixo no seu blog se desejar.

Obrigada.
Fernanda.

"Desabafo...

Ontem, dia 31 de janeiro de 2011, a Trisul reuniu os futuros (bem futuros mesmo) moradores do Alegre Gran Condominium, em São Caetano do Sul, na tentativa de instalar o condomínio e se eximir da multa já que vencera o prazo máximo de 6 meses de atraso.

Casei em novembro e não posso viver com meu marido, não temos espaço para os dois. Nos vemos apenas de final de semana quando nos aglomeramos no meu quarto pequeno, eu na minha cama e ele no colchão no chão. Haja amor pra resistir a tudo isso.

A situação atual é que muitas unidades (inclusive a minha) não passaram por nenhuma vistoria. A maioria (se não todas) das que passaram pela vistoria, apresentaram problemas graves e necessitam de reparos para haver outra vistoria. Não houve averbação e desmembramento das unidades. Alguns proprietários que foram fazer vistoria relataram que as unidades mais altas não estão acabadas. Há materiais de construção espalhados por todo 3° subsolo (garagens). O acabamento externo e das áreas comuns está em péssimas condições.

A Trisul tentou durante toda reunião fazer pressão para a instalação do condomínio, ressaltando com tom de ameaça que a "não instalação do condomínio" impede os "proprietários de unidades quitadas" de receberem suas chaves. Que chaves? Minha unidade está quitada e nem foi finalizada. Como poderei pegar minha chave?
Não podemos pagar condomínio enquanto a obra não estiver finalizada. A Trisul se propôs a pagar 1 mês de condomínio, depois propôs 2 meses. Não queremos que paguem nosso condomínio, não somos objetos de leilão, queremos com urgência uma obra entregue por completo e com qualidade.

O SAC não funciona, não atende os proprietários e quando atende faz com grande falta de educação.

Felizmente nós proprietários nos unimos e não permitimos a instalação do condomínio. Estamos no aguardo da real entrega da obra, reparo dos problemas e nova reunião para finalmente dar fim a essa história. Esperamos que a Trisul tenha mais respeito com os clientes e saiba que, um "proprietário qualquer" de uma "unidade qualquer" de um "empreendimento qualquer" é mais um cliente perdido, com poder da propaganda boca-a-boca, com quem a empresa poderia fechar outros negócios no futuro. E a situação é mais grave quando há muitos "proprietários quaisquer" que se unem e propagam uma imagem negativa da empresa. Pensem nisso.

Fernanda - Alegre Gran Condominium."

terça-feira, 1 de fevereiro de 2011

Grande passeata em frente a TRISUL

CONVIDO A QUEM TIVER INTERESSE EM FAZER UMA GRANDE PASSEATA EM FRENTE A TRISUL SA.

Vamos marcar para daqui 30 dias para que possamos nos organizar e unir representantes de todos os empreendimentos com problemas.

Vamos puni-los com nossas armas.

Vamos pintar a cara e fazer um apitasso la e mostrar que temos força.

Quem topar mande um email.
wanessamotta@yahoo.com.br

fico no aguardo!!

Email do Sr. Jorge Silva


Wanessa,

Sou um dos enganados pela empresa trisul, gostaria que você publica-se neste blog que mantém uma sugestão que sei que pode contribuir para que a Trisul tome uma providencia no condominio sitado:
Estão providenciando uma lista com todos os contatos dos compradores deste empreendimento, portanto, poderiamos perder 1 dia de trabalho para que todos efetuassem uma paseata em frente a sede da Trisul na avenida Paulista onde pediriamos para que a empresa recebe-se uma comissão de compradores para tratar e tentar resolver os problemas que eles criaram, isto é um prato cheio para Globo, Record, SBT e bandeirantes colocarem em sua programação, nenhuma empresa gosta deste tipo de publicidade negativa.
Gostaria que as pessoas envolvidas discutissem o assunto.

Grato

Jorge Silva
Gaudere - unidade 103

Parece até Brincadeira - INTERFONES MUDOS

Pois é minha gente ...

Parece brincadeira, mas não é!!

Já tem pessoas residindo a uase 3 meses e até hoje, estamos sem os interfones devidamente instalados.
E isso nao acontece só aqui não.
Acontece no Start Life também, só que lá alguns funcionam e outros não, no Belas Artes 2 nenhum funciona, nem o dos elevadores que é imprescindível, pois temos idosos, crianças, deficientes físicos, que sobem e descem nos elevadores.

Já aconteceu de ficarem 2 adolescentes presas e uma senhora idosa. Blocos Q e O.

Isso é um absurdo!!!

Não temos como anunciar visitas, quem tem nextel o porteiro chama, quem não tem é surpreendido pela visita, ou a visita é mandada embora.

Estamos em um mato sem cachorro.

03 meses e nada é resovido.

O moço que foi lá refazer o trabalho identificou o cabo de um apto no bloco "L", mas o cabo estava no bloco "P".

Isso é uma vergonha. Falta de supervisão e organização.