quarta-feira, 2 de fevereiro de 2011

O Relato da Fernanda - Alegre Gran Condominium

Oi Wanessa, segue meu desabafo que postei agora no Reclame aqui. Sou proprietário do Alegre Gran Condominium. Pode postar o texto abaixo no seu blog se desejar.

Obrigada.
Fernanda.

"Desabafo...

Ontem, dia 31 de janeiro de 2011, a Trisul reuniu os futuros (bem futuros mesmo) moradores do Alegre Gran Condominium, em São Caetano do Sul, na tentativa de instalar o condomínio e se eximir da multa já que vencera o prazo máximo de 6 meses de atraso.

Casei em novembro e não posso viver com meu marido, não temos espaço para os dois. Nos vemos apenas de final de semana quando nos aglomeramos no meu quarto pequeno, eu na minha cama e ele no colchão no chão. Haja amor pra resistir a tudo isso.

A situação atual é que muitas unidades (inclusive a minha) não passaram por nenhuma vistoria. A maioria (se não todas) das que passaram pela vistoria, apresentaram problemas graves e necessitam de reparos para haver outra vistoria. Não houve averbação e desmembramento das unidades. Alguns proprietários que foram fazer vistoria relataram que as unidades mais altas não estão acabadas. Há materiais de construção espalhados por todo 3° subsolo (garagens). O acabamento externo e das áreas comuns está em péssimas condições.

A Trisul tentou durante toda reunião fazer pressão para a instalação do condomínio, ressaltando com tom de ameaça que a "não instalação do condomínio" impede os "proprietários de unidades quitadas" de receberem suas chaves. Que chaves? Minha unidade está quitada e nem foi finalizada. Como poderei pegar minha chave?
Não podemos pagar condomínio enquanto a obra não estiver finalizada. A Trisul se propôs a pagar 1 mês de condomínio, depois propôs 2 meses. Não queremos que paguem nosso condomínio, não somos objetos de leilão, queremos com urgência uma obra entregue por completo e com qualidade.

O SAC não funciona, não atende os proprietários e quando atende faz com grande falta de educação.

Felizmente nós proprietários nos unimos e não permitimos a instalação do condomínio. Estamos no aguardo da real entrega da obra, reparo dos problemas e nova reunião para finalmente dar fim a essa história. Esperamos que a Trisul tenha mais respeito com os clientes e saiba que, um "proprietário qualquer" de uma "unidade qualquer" de um "empreendimento qualquer" é mais um cliente perdido, com poder da propaganda boca-a-boca, com quem a empresa poderia fechar outros negócios no futuro. E a situação é mais grave quando há muitos "proprietários quaisquer" que se unem e propagam uma imagem negativa da empresa. Pensem nisso.

Fernanda - Alegre Gran Condominium."

Um comentário:

Katia disse...

Isso mesmo, temos que desabafar e gritar, continue com esse bom trabalho viu Wanessa, sou sua fã